quarta-feira, 31 de dezembro de 2008


terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Sagrada Família!


No domingo dentro da Oitava do Natal ou, se não houver, no dia 30 de dezembro, é celebrada a Festa Jesus, Maria e José - a Sagrada Família. Trata-se de celebração muito oportuna, especialmente nos tempos atuais, em que a instituição tradicional da família -- entendida cristãmente, ou seja, estruturada em torno do casamento monogâmico e indissolúvel - padece de grave crise. Com efeito, o divórcio, o aborto e mais recentemente o chamado "casamento homossexual", vêm entrando livre e impunemente nas legislações de todo o mundo. E há legislações que não somente permitem tais aberrações mas, indo ainda mais longe, prevêem punições para quem, em nome da Lei de Deus, se opuser a elas! Com isso se inverte a ordem natural das coisas e se viola gravemente a justiça. Deus, como Criador, tem o direito de ser obedecido pelos indivíduos, pelas sociedades, pelas nações. Numa época em que tanto se fala, o mais das vezes abusivamente, de direitos humanos, por que ninguém, ou quase ninguém, se lembra dos direitos de Deus?

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

<
www.personalizando.com.br - Feliz 2009**

sábado, 27 de dezembro de 2008

Mulheres católicas e fiéis


Atualmente é muito raro ver mulheres agindo conforme nos ensina a palavra de Deus, tendo a coragem de se dizerem católicas e principalmente, agindo como tal, ou seja, se mantendo firmes nos ensinamentos de Deus e resistindo aos "modismos" que geralmente chamam de "liberdade". Hoje em dia chega quase a ser um "patinho feio" uma menina que quer se casar virgem; Pesquisas recentes apontam que as meninas estão iniciando sua vida sexual cada vez mais precocemente, a média está entre 13 e 17 anos, sendo que existem vários casos de meninas com 10, 11 anos que já são mães. A maioria diz que "Tem que ter o momento certo com a pessoa certa", mas isto não retira em nada a culpa do pecado contra a castidade. A Igreja instrui que o ato sexual deve acontecer somente após o sacramento do matrimônio na Igreja e não apenas no Civil, como vemos muitos por aí. Muitas pessoas criticam este direcionamento da Igreja dizendo que se você ama a pessoa, é noiva, e vai se casar, onde estaria o mal... O mal está na desobediência ao sexto mandamento "Não pecarás contra a castidade";outras dizem que Deus nos dá liberdade para fazermos o que queremos, o tal do livre arbítrio; outras ainda dizem que querem fazer o que for de sua vontade e que ninguém tem nada com isso.Mas o que estas pessoas não sabem é que: A verdadeira liberdade só é encontrada em Deus, que nos ama incondicionalmente , com amor infinito, não importando o que fizemos ou deixamos de fazer, mas Ele mesmo se deixa encontrar para nos preencher de todo o vazio que só é preenchido pela sua presença nas nossas vidas. Nada do que foi dito aqui, de forma alguma quer dizer que não se deve namorar, ter amigos, sair para se divertir... Mas lembre-se "tudo nos é permitido, MAS NEM TUDO NOS CONVÉM" É exatamente ai que temos que nos posicionar firmemente, ter personalidade, coragem e nos levantar entre nossos amigos como mulheres cristãs, que não se envergonham por irem contra a corrente da moda, mas sim que tem orgulho de terem a Deus, seus sacramentos, sua palavra e seus mandamentos como preceitos básicos.

quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

Maria,a primeira mulher carismática


Este texto é extraído da revista Jesus vive e é o Senhor e é de autoria do Padre Emiliano Tardiff.

Maria Santíssima é um modelo de intercessão. Vejamos, pois, o seu poder de intercessão diante do Senhor Jesus. Lemos o que o Anjo disse a Maria:“O Espírito Santo virá sobre ti e darás à luz um filho”.A mesma palavra Jesus disse aos apóstolos antes da sua ascensão:“O Espírito Santo virá sobre vós e sereis minhas testemunhas”.O Espírito Santo fecunda Maria e ela nos dá o Salvador do mundo. O Espírito Santo vem sobre os apóstolos no Cenáculo e os transforma em testemunhas audazes de Jesus ressuscitado.Vemos Que realmente Maria é o modelo da igreja em sua abertura ao Espírito Santo, o modelo da vida carismática. Maria Santíssima tem carismas maravilhosos e um poder de intercessão maior que o de todos nós juntos. É a esposa do Espírito Santo. É a filha do Pai e a mãe do Filho. Não há outra pessoa na terra que possa dizer: "Eu sou a filha do Pai, a mãe do Filho e a esposa do Espírito".Contemplando o seu poder de inter­cessão, vemos o que aconteceu nas bodas de Caná: quando faltou vinho ela apenas apresentou o problema a Jesus. Não falou muito, disse apenas: "Eles não têm mais vinho", e Jesus fez-lhe notar que não tinha chegado a sua hora de fazer o milagre. Mas por Maria Santíssima ter uma fé carismática, uma fé que não duvida, sabia que Jesus ia fazer alguma coisa em favor daquele casal que estava sem vinho. Jesus mandou encher as talhas de água porque Maria tinha dito aos servos:"Fazei tudo o que ele vos disser".Imaginem: seis talhas de água, cada uma com capacidade de 100 litros! E Jesus transformou toda a água em vinho: 600 litros de vinho bom no fim da festa de casamento. Dá a impressão de que Jesus, como era seu primeiro milagre, foi além da conta. Mas não é bem assim, é que ele é infinito, não tem limites; quando faz alguma coisa, sempre a faz em abundância.Maria Santíssima tem carismas maravilhosos e um poder de intercessão maior que o de todos nós juntos. É a esposa do Espírito Santo. É a filha do Pai e a mãe do Filho.Dizia-me um dia um sacerdote:- Eu poderia acreditar nessas curas da Renovação Carismática se fossem uns quatro ou cinco casos, mas como são centenas e centenas, e se multiplicam, não creio nelas.Respondi:- E porque você não conhece Jesus, porque quando ele faz alguma coisa, faz sempre em abundância. Não viu o que aconteceu na pesca milagrosa, que por pouco não se rompe a rede? E a multiplicação dos pães? Com cinco pães e dois peixes, cinco mil pessoas come­ram até se fartar, e, no final, Jesus mandou que os doze apóstolos fossem recolher os pedaços que sobraram; eles recolheram doze cestos cheios.Diz um pregador que sobrou tanto pão que a Virgem Maria teve que fazer pudim de pão durante dois meses. E ela disse a Jesus: "Olha, quando você fizer outro milagre, faça com uma certa medida". Mas para Jesus não há medi­das, ele é infinito. Por isso eu disse ao sacerdote:- É que você não conhece Jesus. Se houvesse só uma ou duas curas, pode­ria duvidar que era Jesus, mas corno são muitas, justamente é ele, porque essa é a marca de fábrica dele.Vemos, assim, Maria Santíssima, com seu poder de intercessão conseguir o primeiro milagre de Jesus. Eu sempre pergunto aos meus camponeses:Quem fez esse milagre? Quem mu­dou água em vinho?E todos dizem:Foi Jesus, é claro, E quem conseguiu o milagre?- Foi Maria.Ela tem o carisma de milagres. Nós, católicos, temos uma linguagem meio confusa. Dizemos: "A Virgem me curou, a Virgem fez um milagre", mas não foi a Virgem quem mudou a água em vinho, e ela não quer tirar de Jesus a honra que é dele. Não é a Virgem quem cura os enfermos, é Jesus. Não sou eu quem estou dizendo, foi ela mesma quem disse isso.Em Medjugorje, os videntes me contaram que um dia ali havia na igreja muitos doentes, foi logo no princípio das aparições, e uma das videntes, durante a aparição, disse a Maria Santíssima:- Temos aqui muitos doentes, a Senhora não poderia curar alguns?- Não - respondeu ela - Eu não posso curar enfermos, só Deus pode curar. Vou pedir a meu Filho Jesus para que ele cure os seus filhos doentes.E os videntes viram a Virgem Maria com as mãos postas orando pelos doentes e há testemunhos de enfermos curados naquela noite, de câncer e paralisia, durante a aparição. É muito interessante estarmos atentos ao que Maria disse: "Eu não posso curar enfermos, só Deus pode". Não devemos dizer: 'A Virgem fez um milagre", mas sim: "A Virgem conseguiu para mim um milagre". Não digamos: "Maria me curou", e sim:"Maria conseguiu a minha cura". Ela não quer tirar de Jesus a honra que lhe cabe.Vemos, então, seu poder de intercessão e falamos: "Rogai por nós, pecadores”. Tem o carisma de obter milagres por sua intercessão e tem também carisma de cura. Não há na história da Igreja ninguém que tenha tido um carisma de cura tão grande e tão poderoso quanto o de Maria.Esse carisma tem se manifestado de maneira muito especial, nesses vinte séculos da Igreja, nos vários santuários espalhados pelo mundo, como em Lourdes e outros lugares. Quantas vezes, mães de família nos dizem que tinham um filho doente ou o marido doente, e que fizeram novena a Maria Santíssima e o filho ou marido foi cura­do. Quem curou foi Jesus, mas quem conseguiu a cura foi Maria.Maria Santíssima é modelo de vida no Espírito, modelo de vida carismática. Tem carisma de milagres, carismas de curas, carisma de profecia que se manifesta de maneira clara no Magnificat, quando disse:"Todas as gerações me chamarão bem ­aventurada", Essa profecia continua viva hoje como ontem. Há cristãos que não crêem, ou não aceitam o poder de intercessão de Maria Santíssima, mas em toda a história da Igreja não houve uma geração sequer que não a tenha chamado bem-aventurada.Todas as gerações a têm chamado bem - aventurada é assim será sempre.Na minha paróquia, havia um pastor protestante que era muito amigo meu. Eu gostava de conversar com ele por­que ele conhecia muito bem a Sagrada Escritura. Mas quando falávamos da Virgem Maria, não conseguíamos entrar em acordo. Ele me dizia:Há um só intercessor diante de Deus e é Jesus Cristo.- É verdade - respondi -, isso diz São Paulo, porém Maria Santíssima intercede junto a Jesus, e Jesus interce­de diante de Deus Pai, como aconteceu em Caná da Galiléia.Apesar disso, ele afirmou:-Você pode fazer o que achar melhor- retornei - mas gosto de pedir a Maria Santíssima que interceda por mim.Um dia ele ficou doente e fui visitá-lo. Conversamos muito, e, quando me despedia, ele pediu:- Padre, será que o senhor não podia fazer urna oração por mim?Falei.- Eu? De maneira nenhuma! É melhor que você peça diretamente a Deus! Se Maria Santíssima não é digna de pedir por você, como é que vou eu, um pobre pecador, fazer isso?Sorrimos então um pouco, mas acho que ele percebeu que isso não tem muito sentido, porque eles também oram uns pelos outros e fazem muito bem. Por que, então, não dizem á Mãe de Jesus: "Ora por mim?"A Virgem Maria não tem somente carismas de milagre, de fé carismática, de cura e de profecia. Vocês sabem que ela recebeu também o carisma de línguas. Isto está escrito nos Atos dos Apóstolos, e nenhum especialista da Sagrada Escritura tem podido negar. São Lucas, o autor dos Atos dos Após­tolos, diz que ali no Cenáculo estava Maria Santíssima com os Apóstolos. Ela é a única pessoa que ele menciona pelo nome, e disse:"O Espírito desceu sobre eles e todos começaram a falarem línguas".Não disse: "todos menos Maria Santíssima, porque isso vai me causar dificuldade, é melhor eu não me meter nisso". Então, ela também tinha o dom de orar no Espírito, e como não haveria de tê-lo, se é a esposa do Espírito Santo? Tem também o carisma de evangelizadora. Paulo VI, em seu documento sobre a Evangelização no Mundo Moderno, diz: "Na evangelização, sempre renovada, que a Igreja, obediente ao mandato do Senhor, deve promover e realizar, sobretudo nestes tempos difíceis mas cheios de esperança!"Tenho grande emoção quando me lembro da aparição da Virgem em Medjugorje, porque, um mês e meio antes, estávamos reunidos em Roma, na Domus Pacis, em um Congresso Carismático Internacional da Renovação.Uma noite, o delegado da Iugoslávia, o padre Tomislav Vlasic nos pediu que rezássemos sobre ele pela Igreja da Iugoslávia. Disse-nos: "A Igreja da Iugoslávia está enferma, e com esse governo comunista, não podemos fazer nada. Vou sentar-me numa cadeira representando a Igreja da Iugoslávia, e vocês orem por mim impondo as mãos, para a cura da nossa Igreja.”Aquele grupinho que ali estava começou a orar, e logo entramos na oração em línguas, e no meu coração recebi uma profecia muito forte que dizia. "Não se preocupe, porque vou lhe enviar minha mãe". Eu não sabia da consequência dessa profecia: pensava numa presença espiritual da Virgem.Era o dia 6 de maio, e no dia 24 de junho deu - se a primeira aparição da virgem na Iugoslávia, na paróquia do Padre Tomislav Vlasic. É realmente muito surpreendente, e eu agora estou metido nos documentos do Vaticano como Pilatos no Credo.Ela apareceu e disse: "Eu sou a Rainha da Paz", e pediu que orassem e jejuas­sem em favor da paz do mundo. Era dia 24 de junho de 1981, e ela continuou aparecendo aos videntes e a evangelizar a Igreja de hoje. Até agora, mais de 12 milhões de católicos já passaram por Medjugorje e orar à Rainha da Paz pela paz do mundo.A primeira vez que fui me dei mal, por­que me prenderam e levaram-me para a cadeia porque fiz uma oração de cura na Igreja e comecei a anunciar as curas que o Senhor estava fazendo. As mulheres da Iugoslávia são como as daqui do Brasil, sabem muito bem usar o telefone e chamaram seus amigos. No dia segui­te, duplicou o pessoal que estava lá; havia mais de 7000 pessoas. O Padre Tomislav disse:"Bem, vamos pensar em outra oração de cura, porque veja quanta gente veio esta noite!" Fizemos a oração e pedimos testemunhos, e o Senhor, como sempre, fez o seu trabalho, sua obra. Dizem, então, que na terceira noite havia 14000 pessoas no local, mas eu não vi porque já estava na cadeia.A polícia foi me buscar sob a acusação de que eu estava perturbando a paz da Iugoslávia. Fizeram interrogatório por duas vezes, fazendo muitas perguntas. Perguntaram até o que minha mãe fazia.Eu lhes disse: "Minha mãe tem 14 filhos e não tinha tempo para fazer nada mais". Soltaram-me no outro dia com a obrigação de sair do país, senão voltava para a cadeia. E eu saí correndo.O mais bonito, porém, é que a Virgem continua a aparecer na Iugoslávia, e aparece quando quer, sem passaporte, sem visto nenhum e ninguém pode prendê-la. Agora a situação mudou, quando o governo da Iugoslávia começou a ver que a fluência de pessoas deixava lá muitos dólares.Começaram o que chamam de turismo religioso, que passou a ser uma coisa oficial da Iugoslávia porque dá muita renda. A Virgem Maria, aparecendo em Medjugorje, evangeliza o mundo inteiro, porque não houve jamais uma aparição desse porte, que tenha levado tanta gente de todo o mundo em tão pouco tempo. Agora são milhões aqueles que aceitam o convite da Rainha da Paz para orar e jejuar pela paz mundial. E vejam os frutos! Já caiu o muro de Berlim como caiu a muralha de Jericó. E não somente caiu o muro de Berlim, mas também os países ex-comunistas estão todos todos, sem saber o que fazer, porque agora estão voltando à democracia e querem mudar de vida.Não é por acaso o que está acontecendo, porque, segundo o que contou um sacerdote russo, no ano passado mais de 5000 igrejas abriram suas portas, A Virgem tinha dito a Lúcia, em Fátima, que a Rússia se converteria, e ela não diz mentira. Ela tem um carisma de profecia tão grande, que vemos isso já começando a se realizar. Digo-lhes todas estas coisas irmãos, para convidá-los a contemplar Maria como modelo de intercessora. Ela está cheia do Espírito Santo e quer pô-los a serviço da Igreja. Continuem a contemplá-la e vão verificar que ela tem muitos outros carismas. Agora, vamos pedir à Virgem de Aparecida que interceda de novo por nós, por nossos enfermos e também por todos vocês: não somente pelos enfermos, porque há ainda aqui muitos outros problemas. Vamos depositar tudo nas suas mãos e ela vai dizer a Jesus, como disse nas bodas de Caná:"Não têm mais saúde, não têm mais paz, não têm mais alegria", e Jesus vai mudar a água em vinho.

Os católicos e a maçonaria



Desde o Papa Clemente XII, com a Constituição Apostólica In eminenti, de 28 de abril de 1738 até nossos dias, a Igreja tem proibido aos fiéis a adesão à Maçonaria ou associações maçônicas.
Após o Concílio Vaticano II, houve quem levantasse a possibilidade de o católico, conservando a sua identidade, ingressar na Maçonaria. Igualmente, se questionou a qual entidade se aplicava o documento, pois há várias correntes: se à anglo-saxônica ou à franco-maçonaria, a atéia e a deísta, anti-clerical ou de tendência católica.
Para superar essa interrogação, o Documento da Congregação para a Doutrina da Fé, com data de 26 de novembro de 1983, e que trata da atitude oficial da Igreja frente à Maçonaria, utiliza a expressão associações maçônicas, sem distinguir uma das outras. É vedado a todos nós, eclesiásticos ou leigos católicos, ingressar nessa organização, e quem o fizer, está em estado de pecado grave e não pode aproximar-se da Sagrada Comunhão.
Entretanto, quem a elas se associar de boa fé e ignorando penalidades, não pecou gravemente. Permanecer após tomar conhecimento da posição da Igreja, seria formalizar o ato de desobediência em matéria grave.
A Congregação, no mesmo Documento de 26 de novembro de 1983, declara que não compete às autoridades eclesiásticas locais (Conferência Episcopal, Bispos, párocos, sacerdotes, religiosos) pronunciarem-se sobre a natureza das associações maçônicas, com um juízo que implique derrogação do quanto acima estabelecido .
O novo Código de Direito Canônico assim se expressa: Quem se inscreve em alguma associação que conspira contra a Igreja, seja punido com justa pena; e quem promove ou dirige uma dessas associações, seja punido com interdito (cânon 1374). No dia seguinte à entrada em vigor do novo Código, isto é, 26 de novembro, é publicada a citada Declaração com a aprovação do Santo Padre.
Diz o documento, que a Maçonaria não vem expressamente citada por um critério redacional e acrescenta: Permanece, portanto, inalterado o parecer negativo da Igreja, a respeito das associações maçônicas, pois os seus princípios foram sempre considerados inconciliáveis com a Doutrina da Igreja e, por isso, permanece proibida a inscrição nelas.
http://www.sacramusic.com/ O portal do católico adorador

quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

Padre Carlos David Urbinatti


Homenagem do Grupo de Oração São José ao Padre David

Quando chegou à nossa Paróquia Padre David encontrou uma comunidade em construção, literalmente. O salão paroquial não passava de um terreno coberto de pedregulhos com a cobertura do teto apenas,sem paredes e com muitos sonhos.A Igreja mais parecia um barracão,com a estrutura sem forro,cadeiras de plástico velhinhas,sem capela para o Santíssimo,com portas apenas laterais.Nestes sete anos e oito meses é impressionante tudo o que foi feito em nossa paróquia,ainda mais se pensarmos que além da Matriz também a Comunidade São José teve sua Capela modificada(porta central,bancos,capela para o Santíssimo,banheiro,sacristia...).E agora o sonho do nosso salão mais próximo...É extensa a lista de tudo o que este homem de visão, cheio do Espírito Santo e de empreendedorismo conseguiu realizar em uma comunidade tão pobre.Claro que ele nada fez sozinho, mas um Pastor que consegue motivar seu povo, ver seus anseios e ter coragem de pôr a mão na massa(e ele punha mesmo!) é um homem raro e especial.Some a todas estas características um sacerdote sério,diretor e confessor ungido e você terá um retrato do Padre David, que assumiu a paróquia num momento de dificuldades e situações dolorosas em que nós realmente precisávamos de um sacerdote íntegro e santo. E foi justamente isso que Deus enviou para nós na pessoa dele.Agora ele se vai, construir mais um pedacinho do Reino de Deus por esse mundo afora.Conosco fica a gratidão pelo apoio, pela ousadia de fazer onde não havia quase nada , pelas correções, pelo pastoreio firme,pelo exemplo.
Querido Padre David, vá com Deus e saiba que todas as vezes que olharmos para a torre da Matriz lembraremos do senhor!
O senhor também faz parte da nossa Família!

domingo, 21 de dezembro de 2008

Mais fotos


O Gérson com sua esposa Marlene e o filhinho João Pedro. Olha que nenê mais lindo!

Um só rebanho,um só Pastor


Há algum tempo, uma pessoa me escreveu contando que um amigo, discutindo com um colega universitário protestante, foi questionado sobre as imagens de ouro no Vaticano. Ele respondeu que era para reconhecer a majestade do Rei Jesus como os pastores que lhe ofereceram ouro no seu Natal. Depois o rapaz protestante afirmou que não existem padres castos e ainda que no Vaticano existem barras de ouro, ou seja, o Papa prega a caridade, mas esconde o ouro.Ele me perguntou se realmente existiam estas tais barras de ouro.
Achei que seria interessante postar a resposta aqui além, é claro, de com muito carinho responder à pessoa que me questionou.

Sendo assim:

A Paz de Jesus,
Sempre acreditei que conversarmos sobre religião com pessoas que argumentam com o mínimo de bom senso vale a pena. É impossível conversar com uma pessoa que diz que "no Vaticano existem barras de ouro...", qual a prova ou ao menos motivo que o leva a pensar que isto é verdade? Precisamos conversar sobre tirar dúvidas, como seu amigo fez quando explicou sobre as imagens de ouro e tantos outros dogmas da Igreja, mas não adianta querer discutir quando a conversa entra num ponto onde fala-se o que não se pode provar. Se ao menos tivesse sido exibida pela TV uma reportagem mostrando as tais barras, como por exemplo, foi mostrado o “Bispo” Macedo (da igreja Universal - Protestante) e seus amigos brincando com dinheiro na reportagem do Fantástico (rede Globo).
A todo instante vemos imagens tristes de padres e também pastores envolvidos com coisas erradas, existe uma propaganda vinculada para baixar a esperança de todos, deveríamos promover mais notícias de pastores evangélicos e padres católicos que promovem o bem e evangelizam. Existem milhares de padres, apenas um pequeno número diante de tantos se envolveram com o pecado. A mídia fala apenas destes, isto não quer dizer que, por exemplo, "não existam padres castos". Outro dia eu li no site católico http://www.sacramusic.com.br/ uma reportagem de um padre que havia organizado um passeio numa praia de uma pequena cidade da Itália.Inesperadamente, por um fenômeno natural uma onda mais forte arrastou sete adolescentes para o mar. O padre, de 52 anos, nadou e salvou um por um e veio a falecer depois devido a um infarto causado pelo grande esforço. O prefeito da cidade declarou feriado municipal enfatizando que o padre havia "salvado a cidade", pois a morte de sete adolescentes num local pequeno como aquele seria ainda mais horrível.Você ouviu falar disto?
Igualmente outros padres e pastores evangélicos realizam grandes coisas, mas ficamos sabendo apenas dos que cometem pecados.
O rapaz evangélico, colega de faculdade de meu amigo, está sendo somente mais um instrumento, como tantos outros, inclusive católicos, da mídia que quer vender sangue e do inimigo que com este plano astuto tenta demonstrar que Deus não existe, nem na Igreja Católica nem nos Protestantes.
Não se preocupe, a Igreja é a instituição que mais realiza doações para obras de auxílio aos mais necessitados.No Brasil nenhuma outra instituição doou tantas terras para a reforma agrária, nenhuma outra instituição possui tantos convênios estaduais e municipais para hospitais, creches, escolas. E assim por diante.
Não existem barras de ouro, chego a achar isto cômico, gostaria de saber de onde ele tirou isto. É como uma vez quando um evangélico me disse que no chapéu do Papa existia o número 666 (da besta) eu perguntei somente de onde ele tirou esta brilhante e inusitada informação, mas, infelizmente, ele não soube me responder...
Se tantos irmãos não perdessem tanto tempo tentando provar erros na Igreja Católica, talvez os milhões de ateus, maus católicos, maus protestantes e tantos outros envolvidos em seitas olhariam para nós e se converteriam ao Cristianismo dizendo "Vede como eles se amam!"
Quem sabe um dia, não "os poucos escolhidos de Deus" como alguns pregam, mas todos formaremos "Um só rebanho e um só Pastor". Rezemos por isto.
Deus nos abençoe nos conceda um abençoado ano novo e que o Divino Espírito Santo nos dê o discernimento e a sabedoria necessários para evangelizar os que pregam a discórdia.


sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Melhor é o Céu!




Essa imagem representa bem aquilo que buscamos viver todos os dias.Claro que não é nada fácil ter testemunho de vida num mundo cada vez mais afastado de Jesus,onde quem não segue a última moda ou não segue a mentalidade do "mundo" é sim chamado de quadrado,besta,bobão e coisas piores.Mas para aquele ou aquela que se deixou conquistar pelo Senhor Jesus e busca viver uma vida de santidade e fidelidade a Deus tem como penhor esta certeza:somos cidadãos do Céu!
Então é isso aí:melhor subir(para o Céu)quadrado aos olhos do mundo do que descer...

quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

Grupo de Oração on line direto da Canção Nova!

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Porque ir à Igreja?


Um dos frequentadores assíduos da Igreja escreveu para o editor dum jornal e reclamou que não faz sentido ir à Igreja todos os domingos.
"Eu fui à Igreja durante 30 anos", escreveu, " e durante esse tempo eu ouvi uns 1.500 sermões, mas já não consigo lembrar nenhum deles... por isso, penso que estou a perder o meu tempo e os padres desperdiçam o tempo deles ao pregarem!"
Esta carta iniciou uma grande controvérsia na coluna "Cartas ao Editor", para grande satisfação do Editor do jornal. Isto aconteceu durante muitas semanas. O Jornal recebeu e publicou imensas cartas sobre o assunto, até que alguém escreveu o seguinte:
"Eu estou casado há 30 anos. Durante este tempo a minha esposa deve ter cozinhado umas 20.000 refeições. Mas eu não me consigo lembrar do cardápio de nenhuma destas 20.000 refeições. Mas uma coisa eu sei ... Todas elas me saciaram e deram-me a força que eu precisava para fazer o meu trabalho. Se a minha esposa não me tivesse preparado estas refeições, eu estaria hoje fisicamente morto. Da mesma maneira, se eu não tivesse ido à Igreja para alimentar a minha fome espiritual, eu hoje estaria morto espiritualmente."
Quando estamos reduzidos a NADA... DEUS está POR CIMA DE TUDO!

domingo, 14 de dezembro de 2008

Os carismas do Espírito

Pregação Proferida pelo Paulinho no Grupo de Oração São José dia 13/12/2008
Texto bíblico:I Cor. 12,4-11

Deus nos colocou no mundo com um propósito e nos capacitou para executarmos boas obras em favor dos irmãos e nos batiza no Espírito Santo para formarmos comunidades de amor, partilha, perdão e comunhão através do exercício dos carismas. Abramo-nos a esta experiência!
São Paulo Apóstolo, servo de Jesus, pregava à comunidade de Corinto, ensinando a importância da abertura à ação do Espírito Santo, que tem tesouros,presentes e armas para nos dar.Tesouros como o perdão, a acolhida, a partilha dos bens, a oração em comum, a Eucaristia, as curas para o coração, as curas das doenças, as revelações de Deus pelas profecias, orientações,etc.
E também as armas para lutarmos contra o maligno e seu exército. Mas São Paulo alertava que tudo isso só teria sentido se fosse feito com amor:amor-paciente, amor-perdão, amor-doação, amor-apoio,para que alcançassem a graça de Deus e serem felizes.
Mas será que nos dias de hoje esta palavra (que é de Jesus) tem algum sentido para nós? A resposta é: SIM! O mesmo Espírito que falou a Paulo fala hoje a nós,nos dá gratuitamente os tesouros extraordinários dos carismas,dons que nos capacitam a salvar almas, formar famílias unidas, construir comunidades maduras,ajudar São Joaquim da Barra ser uma cidade justa,orante. A palavra de Deus hoje proclamada também nos motiva a experênciar esta vida nova em Cristo. Nos chama a um resgate da dignidade das pessoas, sem orgias, sem bebedeiras, na castidade, na fidelidade, sem fofocas, sem vinganças, sem escândalos. Se abraçarmos os dons e carismas do Espírito Santo mudaremos o mundo!
Testemunho:
Eu sou uma testemunha viva do poder do nome de Jesus e da ação do Espírito Santo através dos carismas.Já fui curado da coluna que doía todos os dias, fui liberto do vício das novelas, do medo da oração em línguas, do trauma da “burrice”, do trauma da feiúra, do ódio ao meu pai, e já vi Deus curar e abençoar muita gente através de mim usando os carismas. Já fui abençoado e ajudo outros a serem.

Missa na Comunidade São José(penúltima missa com o Pe. David

Noite do Segundo Grupão de Oração

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Está chegando o dia...


Está chegando o dia do Grupão de Oração,que reunirá todos os grupos de oração da cidade.Não deixe de participar!Traga sua família,convide os amigos!Vamos juntos louvar e bendizer o nome de nosso Deus!

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Mergulhe nessa imagens e tenha um bom e abençoado dia!(se preferir desligue a música clicando no auto-falante)

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Jesus é o Senhor!

Resumo da pregação proferida no G.O.São José em 06/12/2008
Pregador: Elaine Texto bíblico: Filipenses 2,6-11

O Senhorio de Jesus
"Obediente até a morte e morte de cruz!"
Precisamos começar revelando essa verdade: “Eu sou o Senhor e não há outro Deus”. Diante do tempo que estamos vivendo, daquilo que temos visto, estamos em tempos de grande batalha, uma grande luta espiritual.Estamos vivendo um momento na Igreja em que precisamos assumir que Jesus é o Senhor. Não somente proclamando com a boca, mas assumindo com a vida. Assumindo que Jesus é o meu Senhor. Se Ele é o meu Senhor, Ele é quem dá a palavra de ordem. Aquilo que Ele revela e me propõe passa a ser a decisão que eu vivo com radicalidade. É muito fácil proclamar com a boca que Jesus é o meu Senhor, porém as nossas atitudes e práticas muitas vezes não condizem com o que proclamamos. Jesus diz: “Amai os vossos inimigos, amai os que vos perseguem”. Se Jesus diz para eu amar o próximo e perdoar até setenta vezes sete e eu não vivo isso, se eu não perdôo e eu não amo, eu não estou mostrando com vida e atitude que Ele é o meu Senhor. Às vezes proclamamos Jesus dentro da Igreja, mas não o proclamamos lá fora, temos vergonha, medo. Temos que ser como Paulo e não termos medo de proclamar o Senhorio de Jesus.Eu preciso te perguntar: - Você tem proclamado Jesus com a sua vida? Você talvez esteja desacreditando que Jesus é o Senhor, a partir do que você assiste nos jornais, na televisão. Muitas vezes satanás tem se utilizado da TV para o mal. Mas Jesus nos deu a Canção Nova e outras TV’s católicas que remam contra a maré. Satanás se utiliza muitas vezes de artimanhas no meio de comunicação para que desacreditemos no Senhorio de Jesus.E muitas pessoas assistem e aplaudem,parece que gostam de desgraça. O nosso Deus não é um Senhor de desgraça, é o Senhor da Graça.Proclame aonde quer que você esteja: “Para Deus tudo é possível!” Deus pode transformar o mundo, mudar a nação, mas eu e você precisamos ser os primeiros a proclamar com a boca, com o coração e com a vida que para Deus tudo é possível! Somente depende de você, a sua disposição para viver o Senhorio e a libertação de Jesus. O primeiro passo é você assumir a verdade, a liberdade, o caminho e a vida que é Jesus. Proclame Jesus como seu Senhor. Diga aí no seu coração: Jesus é o meu Senhor

domingo, 7 de dezembro de 2008

O verdadeiro Natal


Hoje quero escrever sobre o Natal. O Natal já está às portas. E dentro deste contexto, as várias tradições natalinas têm sua razão de ser. Até o Papai Noel tem razão de ser. Na realidade o Papai Noel já está bem velhinho: ele deve ter mais de mil anos de existência. Só que no começo era uma história muito bonita: havia um bispo chamado Nicolau. Era muito amigo dos pobres e das crianças. Sobretudo no período de Natal o seu carinho crescia ainda mais. Vestido com toda a indumentária própria do bispo (mitra e báculo), ele saía pelas ruas das vilas e cidades, levando presentes para pobres e crianças, e desejando a todos as bênçãos do Menino Deus. Esta é a raiz cristã da figura do Papai Noel. Em outros termos: o Papai Noel é uma figura que pode ser aproveitada, mas desde que não tire o lugar do Menino Jesus. A substituição do Menino Jesus e do mistério do Natal pela figura comercial do Papai Noel aconteceu por influência norte-americana. Com todas estas considerações, não pretendo negar que até mesmo o Papai Noel e outros símbolos menos tradicionais possam ter sentido. Assim, Papai Noel pode ser uma espécie de oportunidade para educar as crianças no respeito às pessoas de idade. Depende um pouco como é apresentada a figura do Papai Noel: por vezes é uma figura ridícula. Então não serve para nada. De qualquer forma, com ou sem Papai Noel, não podemos perder de vista o sentido profundo do Natal: por incrível que isto possa parecer, Deus mesmo veio morar entre nós. E isto aconteceu num lugar concreto, num tempo determinado. E isto não ocorreu há milhões de anos atrás: há apenas 2 mil anos, o que em termos de história representa pouco tempo. Maria concebeu de fato; o embrião teve uma evolução normal, até tornar-se feto; numa noite nasceu uma criança; esta criança chorava, mamava, dormia... aprendeu a falar, a caminhar... Depois se tornou adolescente... Teve amigos e amigas; teve parentes a quem visitava, na companhia de seus pais. Depois se tornou adulto. Iniciou um tempo de pregação e de milagres e foi condenado. Ressuscitou! Um dia voltará gloriosamente para colocar um belo fecho na história humana. Coisa incrível: Tudo foi feito por Ele e Nele tudo subsiste. Ele está na origem de tudo o que foi criado e nada foi criado sem Ele. Coisa incrível: este Deus se fez nosso irmão; partilhou de nossas vidas; trabalhou com mãos humanas, amou com coração humano!Não há dúvida: a história do Natal é uma história tão extraordinária que a gente até custa a acreditar. Para penetrar um pouco no mistério do Natal, convém que nos coloquemos diante de um presépio. Sabidamente, o presépio tem sua origem ligada a São Francisco, que mergulhou profundamente no mistério da Encarnação, ou seja, de um Deus que se fez ser humano, em tudo, menos no pecado. Levado por este mistério, São Francisco teve uma inspiração: numa noite de Natal, convidou o povo dos arredores de Assis, para, com tochas acesas nas mãos, subirem uma montanha. Todos caminharam até uma gruta. São Francisco cuidou que não faltassem alguns animais, como burrinho, boi, ovelha, cachorrinhos... Assim, em meio à mata, no coração de uma gruta, cercado de irmãos seus na fé, São Francisco fez todos reviverem o mistério do Natal naquela noite. O povo ficou profundamente impressionado... E a partir daí os franciscanos sempre foram propagadores do presépio. É que o presépio nos faz entender que em torno do Menino, e só em torno dele, é que pode ser construído um mundo mais harmônico. De fato, ali no presépio vemos pessoas simples, como Maria, José e os Pastores. Vemos também pessoas mais importantes, como os chamados “reis magos”, vemos anjos, representando a transcendência; vemos plantas e animais: é toda a Criação que encontra novo sentido junto ao presépio. Gostaria de pedir-lhes que ao lerem esta mensagem, não se esqueçam de deixar de lado o Papai Noel, para acolher o Menino Jesus. Com isto, abrimos nosso coração para um grande abraço: a todas as criaturas, ditas racionais e irracionais, porque as abraçamos no Amor de Deus que se manifestou em Jesus Cristo. Que por ocasião das festas natalinas e de fim de ano, este mesmo Amor de Deus nos una ainda mais, no cumprimento de nossa missão, com mais força e alegria.

Feliz


Olha a alegria do Gabriel(filho) no colo do papai Nilson(esposo)da Weraney em nosso grupo de oração.Logo abaixo está o irmãozinho do Gabriel,o Gustavo.

Crianças

Mais crianças do Grupo de Oração,desta vez a Sofia(ela mesma,a pequenininha que está logo abaixo com a Ana Laura) e o Gustavo,filhinho da Weraney e afilhado da Elaine.Não são as carinhas mais lindas,minha gente?

Eleição do novo Coordenador Estadual da RCC

Estivemos reunidos nos dias 21, 22 e 23 de novembro últimos, no Centro Pastoral Santa Fé (SP), para a realização da Assembléia Estadual. Na noite de sexta-feira, após a oração, tivemos uma reflexão proferida por Reinaldo Beserra, que nos falou sobre o momento histórico que vivemos hoje, sobre Elena Guerra e os desdobramentos de suas intervenções para a Consagração do século XX ao Espírito Santo.
Na manhã do sábado, após a oração, refletimos sobre o texto apresentado pelo Reinaldo : “Partido de Cristo ou Igreja de Jesus Cristo?” Trata-se de uma homília proferida pelo então Cardeal Joseph Ratzinger, em janeiro de 1.990, muito esclarecedor para o momento que viria a seguir.
Tivemos o início do processo de escolha do novo coordenador estadual da RCC. Esteve presente conosco neste momento o Coordenador Nacional Marcos Volcan, que juntamente com o ex-coordenador do estado, João Mabtum, e a secretária Clariza, fizeram a condução e apuração dos votos. Reinaldo Beserra foi reeleito com 27 votos de um total de 37 votantes.
Com grande alegria acolhemos a reeleição de Reinaldo Beserra!
Em seguida participamos da Celebração Eucarística, onde a nova gestão de Reinaldo foi, pela imposição das mãos do sacerdote, consagrado à Nossa Senhora.
No período da tarde, realizamos a eleição do conselho fiscal que assim ficou composto: Wanderley (Campinas), Reginaldo (Bragança Paulista), Marquinho (Santos); como suplentes: Antônio (S. Carlos), Luciano (S. Paulo) e Serginho (Ribeirão Preto).
Marcos Volcan teceu alguns comentários sobre a proclamação do Senhorio de Jesus pela RCC, para o ano de 2.009. Explicou-nos sobre como se dará o Fórum Carismático, sua preparação, com um pré-fórum virtual, e motivou-nos a retomar o que é próprio da Renovação. Em seguida realizamos um pequeno exercício desta preparação, onde após sermos divididos por províncias, começamos a analisar algumas situações bem específicas quanto ao Movimento: problemas, contribuições e sugestões.
À noite, tivemos um momento de grande alegria e descontração onde fizemos um pot-pourri de diversas músicas (as mais antigas), da Renovação. Cantamos e dançamos muito, foi divertidíssimo!
Logo após, fizemos a eleição para a escolha da Diocese que irá sediar o Congresso Estadual dos dias 11 a 13 de setembro. Apresentaram-se: Ourinhos, Presidente Prudente, S. João da Boa Vista e São Carlos. A Diocese escolhida foi S. Carlos.
No domingo de manhã, após a oração, tratamos de assuntos práticos do Conselho e encerramos o dia com a Celebração Eucarística.
Na oração da sexta-feira, o Senhor nos prometia um final de semana de muita alegria, e Ele como sempre, cumpriu sua promessa! Se existe uma palavra para definir esta Assembléia, esta palavra é: alegria! Jesus Cristo é o Senhor!
Valéria Pedro, coordenadora diocese de Franca (SP).

sábado, 6 de dezembro de 2008

Oração em línguas


A oração em línguas é o único carisma voltado para a edificação pessoal
A oração em línguas é um dom do Espírito Santo (1 Cor 12,10). São Paulo faz vária citações sobre esse carisma e sua importância para quem o põe em prática. Vemos o apóstolo delongar-se na instrução aos Coríntios sobre o uso do dom das línguas e na correção aos exageros que por vezes ocorriam; podemos perceber que esse era um dom usado com muita freqüência, um dom muito comum para eles e assim o foi, nos primórdios, para a Igreja.
Contudo, durante muito tempo esse dom ficou esquecido e ate parecia ter desaparecido do seio da Igreja, mas novamente essa forma de oração tem ganhado expressão e é cada vez mais comum a sua prática em meio a Renovação Carismática.
Quantas vezes nos vemos perdidos, sem saber como rezar? Faltam-nos as palavras. Outras vezes começamos a louvar a Deus e não somos capazes de permanecer sequer cinco minutos em Seu louvor. Outras, ainda, sentimos o coração quase sair do peito de tanta vontade de falar com o Senhor, mas toda palavra que nos chega á boca parece ser insuficiente.
É bom saber que não estamos sozinhos, o Espírito mesmo vem em auxilio à nossa fraqueza.
Porque não sabemos o que devemos pedir nem orar como convém, Ele mesmo se dispõe a orar em nós. Trata-se do próprio Deus, que habita em nossos corações, templos Seus, a orar em nós. Diz a Sagrada Escritura que Ele o faz com gemidos inefáveis, se maneira que a inteligência humana é incapaz de entender.
São gemidos, sílabas que se combinam de maneira inteligível, mas de grande significância. É Deus que, sendo Pai e conhecendo o nosso coração, quer nos levar a uma oração profunda.
Aquele que ora em línguas não diz coisas que a inteligência humana seja capaz de compreender; a sua oração brota do seu coração, do seu espírito, rumo ao coração de Deus; ninguém o compreende, nem mesmo ele próprio, porque diz coisas misteriosas sob a ação do Espírito Santo. Há aqui um obstáculo para as pessoas que racionalizam tudo em demasia. Essa oração é uma humilhação para a inteligência... Quantas pessoas ao orar em línguas perguntam a si mesmas se não estão fazendo papel de estúpidas, até mesmo se sentem ridículas por consentir em iniciar tal forma de oração. Contraditório seria entendê-la quando a Sagrada Escritura diz que não é possível fazê-lo.
Há muitos que dizem não querer saber de dons, que a caridade lhes basta, como se esta se contrapusesse aos carismas e vice-versa. O Espírito Santo nos ensina: “Empenhai-vos em procurar a caridade. Aspirai igualmente os dons espirituais...” Devemos aspirar à caridade na mesma intensidade, da mesma forma e profundidade que os dons espirituais ( que acabam por ser uma operação da própria caridade).
Felizes são aqueles que se ariscam e se aventuram, mesmo quando os sentimentos contrariam a intenção de se lançar nessa maravilhosa experiência, já que aquele que assim reza edifica-se a si mesmo. Todos os outros carismas são para as outras pessoas; a oração em línguas é o único carisma voltado para a edificação pessoal. Convém não desperdiçar. Extraido do livro: "Quando só Deus é a resposta"

Próximas pregações(mês de dezembro)

Atenção
O Grupo de Oração são José continua com a série de pregações em comemoração ao Ano Paulino.confira a programação:
06/12 O Senhorio de Jesus
13/12 Dons e Carismas do Espírito Santo
20/12 Batismo no Espírito Santo
27/12 Frutos do Espírito Santo

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Cantinho de Nossa Senhora

n Este artigo estará na edição de dezembro do nosso informativo De Jesus Para Você

Nossa Senhora da Imaculada Conceição

Mais do que memória ou festa de um dos santos de Deus, neste dia estamos solenemente comemorando a Imaculada Conceição de Nossa Senhora, a Rainha de todos os Santos.Esta verdade reconhecida pela Igreja de Cristo, é muito antiga. Muitos Padres e Doutores da Igreja oriental ao exaltar a grandeza de Maria, Mãe de Deus, tinham usado de expressões como: cheia de graças, lírio da inocência, mais pura que os anjos.A Igreja ocidental que sempre muito amou a Santíssima Virgem tinha uma certa dificuldade para a aceitação do mistério da Imaculada Conceição. Foi o franciscano Duns Scoto no séc. XIII, quem solucionou a dificuldade ao mostrar que era sumamente conveniente que Deus preservasse Maria do pecado original, pois era Maria destinada a ser mãe do seu Filho. Isso era possível para a Onipotência de Deus, portanto, Deus, de fato, a preservou, antecipando-lhe os frutos da redenção de Cristo.Graças a Deus, rapidamente a doutrina da Imaculada Conceição de Maria no seio de sua mãe Sant’Anna foi introduzido no calendário romano. A própria Virgem Maria apareceu em 1830 a Santa Catarina de Labouré, pedindo que se cunhasse uma medalha com a oração:
"Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós".
E quatro anos depois que a Igreja oficialmente reconheceu e declarou solenemente como dogma em 1854: "Maria isenta do pecado original".A própria Virgem na sua aparição em Lourdes, confirmou a definição dogmática de fé do povo dizendo para Santa Bernadete e para todos nós: "Eu Sou a Imaculada Conceição".
Nossa Senhora da Imaculada Conceição ...rogai por nós!

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Milagre da vida



Oi, meu nome é Fabiana, tenho 32 anos, sou casada e tenho 3 lindos filhos que são 3 lindos milagres na minha vida e na de meu esposo. Hoje quero dividir com vocês um dste milagres.Eu tinha 17 anos e ja namorava meu esposo Odair, quando tive uma séria hemorragia e fiquei 73 dias muito sofridos com esse fluxo de sangue que remédio nenhum conseguia cortar. O meu médico ja não sabia mais o que fazer então convocou uma junta médica e decidiram que tentariam uma ultima alternativa e se não desse certo tirariam o meu útero. Imagine o que é isso pra uma moça de 17 anos, namorando e com muitos planos de filhos pela frente.Meu mundo caiu.
Tentaram e conseguiram cessar a hemorragia mas fui informada que não poderia ser mãe, que eu não seguraria uma criança pelo problema que eu tinha.Aos 19 anos decidimos nos casar e então quando fui fazer novamente os exames pré-nupciais mais uma vez o médico me disse que eu poderia ter filhos. Chamei o Odair e lhe contei o que dissera o médico e ele disse que não importaria e que nós acreditassemos em Deus e se nada funcionasse, nós adotaríamos uma criança, que não teria nascido de nós mas, de nossos corações.Aceitei pois neste momento eu já tinha conhecido o grupo de oração e ja sabia das muitas bençãos que o Senhor tinha pra mim, só não sabia que era tanto assim. Casei-me no dia 29/09/1995 e tomava anticoncepcionais para controlar os meus hormônios.Em novembro do mesmo ano, tivemos uma experiência de Oração, no antigo Seminário, e eu tive a oportunidade da minha vida.Falei com Jesus, sem reservas, sem receio e de peito aberto, de joelhos aos pés do sacrário, derramei meu coração.Eu disse ao Senhor, que eu aceitava seus preceitos em minha vida, tudo o que Ele tivesse pra mim, mas que eu ousava Lhe pedir um milagre, e pra mim, o mais precioso dos milagres, o milagre da vida.Pedi ao Senhor a graça de ser mãe, que eu aceitava se ela fosse única, que eu não me importava, mas eu queria sentir minha barriga crescer, sentir a presença de Deus numa nova vida que cresceria dentro de mim, pegar meu filho nos braços e poder dar de mim, a ele o seu sustento, passar as noites acordada velando seu sono, parar de pensar em mim, para pensar em alguem que seria mais, muito mais que só um sonho. Seria a graça de Deus física em meus braços.Mas que eu aceitava se ela fosse uma graça única, mas que se Deus me desse um filho que Ele me desse condições de criá-lo e que se me desse não me tirasse.Eu não suportaria.Acho que agora eu tenho ainda mais certeza que jamais suportaria. E Deus foi misericordioso comigo. Momentos mais tarde tivemos o momento da oração de cura e de libertação e Deus mostrou ao grande amigo "seu Alcides"(que saudade), que Ele tocava e curava o útero de duas mulheres, uma que estava presente e outra em casa.Mas seu Alcidez não disse nada.Guardou para o momento que tivesse a confirmação. Quinze dias depois em uma reunião de servos la na capela São José, todos estávamos reunidos e eu estava ruim, passando mal do estômago, não conseguia comer nada e nem sabia o por que. Seu Alcides chegou perto de mim e disse posso abraçar a futura mamãe? Eu disse quem ? eu? ah, não seu Alcidez eu não posso ter filhos. Ele disse: Como não? Me fala uma coisa, você não pediu uma graça pra Deus? Pedi, respondi. Então Ele te deu. Lá na experiência Jesus me revelava que duas mulheres estavam sendo curadas e estariam grávidas, uma era a minha filha que eu rezava pra ela em casa e agora soubemos que ela está grávida de 2 meses, e aoutra é você! Quase cai pra traz.Abracei o seu Alcidez, e disse que seja feita a vontade de Deus, rezamos e isso não me saiu da cabeça, quando cheguei em casa contei ao meu marido que não acreditou muito. Fui ao médico e tive a confirmação, eu estava grávida. Passei a gravidez toda de joelho no chão, pois eu sangrava muito, mas a gente rezava e o sangramento parava.No dia 05 de agosto de 1996, nasceu meu filho mais velho, Thalles. Meu primeiro milagre.Hoje com 12 anos é um menino esperto, inteligente, que também serve à Deus, (ele é coroínha), que bonitinho, parece um anjo no altar! È o que dizem.........E Deus não parou por aí ...........

Testemunho:Quem me curou foi Jesus!



Este testemunho maravilhoso estará na próxima edição do informativo De Jesus Para Você.



Testemunho
Meu nome é Lílian, tenho 38 anos, sou casada e tenho um filho de 16 anos. Venho contar o meu testemunho. Em 1999 fiquei sabendo que estava com leucemia mielódia crônica.Para mim não foi um grande problema pois não sabia realmente o significado da doença,mas para a minha irmã Lídia sim; ela sofria em silencio e eu não percebia nada. Meu médico me encaminhou para fazer o tratamento em Ribeirão Preto e foi aí que eu descobri que estava com câncer no sangue e que precisava fazer um transplante de medula, pois para os médicos eu só tinha três meses de vida. Meus irmãos fizeram exame mas nenhum deles era compatível. Deus, porém, com seu imenso amor iria mudar toda a minha vida e me curar desta doença. O que eu dizia a Deus era que eu iria carregar a minha cruz sem reclamar desde que Ele me desse vida para ver meu filho crescer. Depois de 2 anos de tratamento os médicos descobriram outro tumor, desta vez no estômago. Marcaram a cirurgia para retirar o tumor daquele local, mas quando eles abriram notaram que o tumor já tinha tomado conta de todo o estômago. Foi aí que fizeram uma retirada total do meu estômago e também uma ligação direta do esôfago para o intestino. Com toda esta situação percebi que Deus queria mudar minha vida, mudar meu modo de agir, me ensinar a perdoar e a amar aqueles que mais me fizeram sofrer. Deus mudou minha vida por completo: conheci o Marco, casamos e ele aceitou não só a mim em sua vida mas meu filho também. Vivemos juntos, nós três e somos muito felizes, graças a Deus.Ainda faço tratamento mas não precisei de transplante pois o meu doador foi Jesus Cristo! Ele derramou Seu sangue por mim e em nome de Jesus eu estou curada! Hoje eu louvo e agradeço Deus por tudo o que Ele fez e faz em minha vida, na vida do Marco e na vida do meu filho e da minha família!
Obrigada Senhor!
“Aquilo que parecia impossível, aquilo que parecia não ter saída, Aquilo que parecia ser minha morte Jesus curou, mudou minha sorte Sou um milagre, estou aqui!”

Ministério para a evangelização de crianças



Temos atualmente cerca de vinte crianças que frequentam nosso grupo de oração, a maioria delas é perseverante e não falta.São filhos de servos e de participantes(ou sobrinhos).Variam de idade e personalidade mas são os pequeninos muito amados de Jesus!Se você tiver crianças em sua família,traga elas ao grupo para crescerem pertinho de Deus!
Olha a Ana Laura e a Sofia na saída de mais um grupo de Oração!

Advento: plano de salvação

"O povo que andava em trevas viu grande luz, e aos que viviam na região da sombra da morte, resplandeceu-lhes a luz."
A palavra "advento" significa literalmente "vinda, chegada". O período do Advento abrange os quatro últimos domingos antes do Natal, que dão início ao chamado ano litúrgico. Ele sempre começa no Primeiro Domingo do Advento e se estende até o fim de novembro do próximo ano. Naturalmente trata-se apenas de uma tradição eclesiástica. Além disso, sabemos que o nascimento de Jesus não ocorreu no dia 25 de dezembro. Na verdade, a comemoração do Natal passou a ser algo rotineiro, destituído do verdadeiro significado, e é cada vez mais comercial.
Quando o ano está chegando ao fim, começa o tempo de expectativa para a comemoração da primeira vinda de nosso Senhor Jesus Cristo. Mas não devemos esquecer que também quanto ao Plano de Salvação encontramo-nos no tempo do Advento, atualmente mais do que nunca! Estamos hoje no período em que rumamos claramente em direção ao dia da segunda vinda do Senhor. Bem-aventurados aqueles que vivem conscientemente também neste tempo de Advento do Plano de Salvação, pois o Senhor diz deles: "Bem-aventurados aqueles servos a quem o Senhor, quando vier, os encontre vigilantes; em verdade vos afirmo que ele há de cingir-se, dar-lhes lugar à mesa e, aproximando-se, os servirá" (Lc 12.37). Que palavras grandiosas!
Afinal, o que faz com que o tempo de Advento seja tão especial? Há nele três coisas importantes
:
– o tempo da alegria antecipada– o tempo da espera– o tempo da preparação

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Uma canção!


Só no coração de Jesus encontro vida....
Só no peito de Jesus encontro PAZ...
Que posso querer mais?
Que posso desejar?

senão o peito de Jesus...

Aprenda rezar(Angelus)




O anjo do Senhor anunciou a Maria
E ela concebeu no Espírito Santo
Ave Maria...
Eis aqui a escrava do Senhor
Faça-se em mim segundo a tua palavra
Ave Maria...
E o Verbo se fez carne
E habitou entre nós
Ave Maria...
Rogai por nós Santa Mãe de Deus
Para que sejamos dignos das promessas de Deus

Oremos: Derramai ó Deus a Vossa graça em nossos corações para que conhecendo pela mensagem do Anjo a encarnação do Vosso Filho cheguemos por Sua paixão e cruz à glória da Ressurreição.Por Cristo Nosso Senhor,

Glória ao Pai,ao Filho e ao Espírito Santo,como era no príncipio, agora e sempre
Amém.

São José Galeria de imagens

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Contato via e-mail


Para entrar em contato conosco clique:


Deixe sua impressão sobre o blog, faça suas partilhas e deixe seu pedido de oração.

Fique com Deus.

Coordenação do grupo.